fbpx

Notícias

picture-fashionable-stylish-grandma-wearing-bright-coat-she-is-nt-afraid-bright-colors-she-likes-take-experiments_152404-3826
01 setembro 2020

Fios de sustentação rejuvenescem a face de forma natural

Com diversas utilidades, sua aplicação é indolor e feita em consultório, explica a dermatologista Karla Rebouças

Com o passar do tempo, o envelhecimento deixa o rosto com aspecto de derretido, dando um ar de cansaço. Isso é causado por algumas desestruturações faciais, como por exemplo; a reabsorção óssea, a perda e o deslocamento dos coxins gordurosos da face, o afrouxamento dos ligamentos e a diminuição do número e qualidade das fibras de colágeno e elastina na nossa pele. Somado a isso percebemos também o aparecimento de manchas e rugas.

Os fios podem ser utilizados para reestruturar essas estruturas perdidas, através da tração da face. Além disso, esses fios são reabsorvidos pelo organismo estimulando a produção de colágeno. Como consequência, há uma melhoria da qualidade da pele e a diminuição das rugas no local da aplicação, conseguindo assim um rejuvenescimento natural da face, conforme explica a dermatologista Karla Rebouças, da Clínica Osmilto Brandão.

Existem diversos tipos de fios e também são muitas as possibilidades de tratamentos com eles. Eles podem ser utilizados para sustentação da face, preenchimento de rugas finas, melhora da qualidade da pele ao redor dos olhos, conseguindo um efeito de melhora da olheira profunda. Todas essas indicações dependem da necessidade de cada paciente, por isso a importância de procurar um profissional capacitado e com experiência no uso dos fios.

Trazendo versatilidade e segurança ao seu tratamento, os fios também podem ser aplicados para suspender os supercílios, suspender a ponta nasal e tratar cicatrizes de acne. Em alguns casos, pode ser uma boa alternativa para evitar a necessidade de uma cirurgia plástica.

 

Vencendo medos
Para quem tem receio de aderir a esse procedimento estético, a dermatologista explica que a inserção dos fios não é dolorosa e pode ser feita em consultório. Ela destaca ainda que esses fios são feitos com materiais biodegradáveis e biocompatíveis para evitar ao máximo qualquer eventualidade, como reação alérgica. “A paciente pode ficar tranquila, pois esse procedimento não é cirúrgico nem vai deixar o rosto muito puxado”, explica Karla Rebouças.

O fio de sustentação pode estimular a produção de colágeno de 6 a 24 meses, esse resultado varia de pessoa para pessoa. Após passado o seu efeito, uma nova aplicação deve ser feita, e não é necessário retirar os fios colocados anteriormente porque o material utilizado já foi absorvido pela pele.

Fale com a Osmilto Bradão
Enviar para WhatsApp